20 de janeiro de 2009

Os amores de Liza.

Tudo em prol do amor?!

"Liza era uma menina doce, bonita e alegre, muito alegre. Ela vivia sonhando com o príncipe encantado, assistindo filmes de romance e ouvindo músicas de amor. Um dia, o primeiro amor aconteceu. Foi incrível! Liza nunca, em toda a sua vida, se sentira tão plena, tão feliz, tão completa, tão... E ele era, de verdade, um príncipe. O primeiro amor de Liza durou o tempo que deveria durar. Tudo acabou bem. Até que... o segundo amor aconteceu. Liza viveu intensamente esse amor, enfrentando inúmeros obstáculos, sofrendo, chorando, amando e lutando. Ela, por muitas vezes, deixou de lado seus princípios e valores por conta desse novo amor. As vezes nem ela mesma acreditava em suas atitudes. Na maioria dessas vezes ela as reprovava. Mas... tudo em prol do amor! Era o que ela pensava. Talvez Liza nem fosse tão bem recompensada por tudo isso, quando a única coisa que ela queria era amor. Amor, respeito, dedicação, carinho e alguém se preocupasse de verdade com ela.
Quando se ama, não adianta, acabamos aceitando coisas inaceitáveis e tendo atitudes totalmente reprováveis, mas... tudo em prol do amor! E foi exatamente isso que Liza fez.
Depois de alguns meses as coisas começaram a ficar mais difíceis. A menina apaixonada tinha cada vez mais atitudes reprováveis. E o príncipe? Tava mais pra sapo! Mas... tudo em prol do amor!
Liza, por amor, aceitava receber os antônimos: falta de amor, falta de respeito, falta de dedicação, falta de carinho, falta de preocupação...
Um certo dia, Liza estava em seu quarto lendo e um anjo soprou em seu ouvido. Nesse axato momento, Liza abriu os olhos para a vida e fez com que mais um amor acabasse (pelo menos ela achava que tinha acabado). Mas as coisas não foram tão fáceis como ela pensava. O que Liza sentia era, realmente, amor. Então, Liza chorou! Chorou como jamais imaginou que choraria. Ao contrário do que ela pensava, a história não acabou por aqui.
Os olhos dos dois se encontraram, Liza deu suas últimas palavras e partiu. Mas, o príncipe (ou sapo) ao ver seu amor (amor?) partir decidiu mudar de vida e se tornar um príncipe de verdade. Liza achou tarde demais. Que pena!
Desde então, as coisas começaram a mudar. Antes de acabar definitivamente, a história do segundo amor de Liza deu muuuuitas voltas. Muitas mesmo. Voltas que Liza não gostaria de lembrar, mas lembra! Voltas essas que não saem de sua memória. São páginas que ela quer arrancar de seu diário. Na verdade, ela já arrancou. Mas as lembranças continuam e a tortura também. Afinal, é impossível apagar o passado."





> Aguardem pelo próximo capítulo! A história de Liza não acaba por aqui! Afinal, novos amores sempre vão existir. Pra todo mundo!

14 comentários:

Nina Fernandes disse...

Ah o amor...
Tudo em prol do amor?! Sim, se valer a pena.
No caso da Lisa, será q vale?

manzas disse...

Interessante blogue,
Gostei e voltarei...

Sem nada saber
Sem nada dizer
Sem nada falar…
É um simples ser
Que expõem o seu pensar
Proferindo a frase certa…
Ao descrever o seu ver
Distingue-se ao escrever
Como um louco poeta

O abraço…

Tatiana disse...

Oi Tati...desculpa já ir falando assim.Mas como também sou uma Tati acho que entre a gente não cabe cerimônia.rss
Adorei seu blog...
O conto é muito envolvente e não quero perder a continuação da história!
Um beijo carinhoso

Nathy disse...

Ah...que vontade de viver um grande amor!

Tay disse...

Oi garota

Adorei o texto!
Nem tudo vale em prol do amor, principalmente se esse não vale a pena como na caso da Liza...

Gostei muito do seu blog!

Beijo!

Mayana Carvalho.♥ disse...

Que amor!? Ela estava buscando algo que ela não tinha! Tudo em prol de nada!

*Pra buscar a música você vai nesse site aqui:
www.myflashfetish.com
se cadastra e vai em "Edit playlist" e cria o seu sonzinho do jeito que quiser. qualquer duvida me pergunte ;D

Beijos

Adrielly Soares disse...

É as páginas do diário são bem mais fáceis de apagar que as memórias. Infelizmente.
Um beijo menina.

Camilla disse...

Tatiana


Olha, acredito que o amor é tolerante e é capaz de suportar algumas atitudes reprováveis, mas precisamos saber diferenciar o amor por uma pessoa do amor próprio. Se não tivermos amor próprio, como vamos amar outra pessoa?

Obrigada por acompanhar o blog Tatiana. Também vou linkar e acompanhar o seu.

Bjos

Bubblegum disse...

Tudo em prol do amor!
Acho essa frase perfeita *-*
Pena que muitas pessoas não a seguem, é ai que ela desanda ;P
adorei aqui ;*

Jamana disse...

Olá!!!!
Passei pelo seu blog...
e achei super legal....
voltarei novamente...
:)

Mayana Carvalho.♥ disse...

qando você apertar o botao de salva, vai aparecer em letras grandes (click here....) você clica e vai aparecer varios sites incluse o Blogger, você clica nesse botão e a partir dai você vai colocar o login do seu blog para que o son seja add automaticamente.

Ps: caso quando você aperte salvar continue na mesma pagina do mp4zinho você olha no topo da pagina e vai ter escrito (click here for get the code [algo assim]. Voc~e clica e faz a mesma coisa a partir do momento que aparece o botãozinho do Blogger.

eu não sou muito boa para da explicações, então espero que tenha entendido!

Beijos

Mayana Carvalho.♥ disse...

então, quando aparecer o lugar de apertar o botãozinho "blogger", você vai ver que em baixo de todods os botoes para diferentes sites tem uma caixa com o codigo e o botão "Copy". click nele, espere aparecer a faixinha amarela em baixo da caixa do codigo, escrito "copied". Depois vai na página do seu blogger onde agente add as coisinhas da barra lateral e aperte na opção "HTML/JavaScript". Dái voce só faz colar no espaço em branco e "salvar"

e você ñão é burra não, e tambem quebrei muito a cabeça no começo!

Estéfany disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Thaís Motta disse...

Liza achou tarde demais. Que pena!

Que pena mesmo , logo quando o sapo voltou a ser o principe que Lisa imaginava :/

Acho que se fosse cmg , eu daria mais uma ( uma ? ) chance.

Mas , outros amores pra Liza virão , e acho que vai ser assim pra todo mundo .

Super demais .